Encontro Lixo Zero São Paulo _ Economia Circular, uma mudança para todas as pessoas físicas e jurídicas

Se não fizer nada na pessoa física, nada vai mudar – coloca Marcelo Ebert da YVY, um dos integrantes do Painel: Economia Circular, Muito Além da Reciclagem, parte da programação do Encontro Lixo Zero São Paulo 2019. Ele se refere às mudanças de comportamento que estão viabilizando novos produtos e serviços com impacto ambiental reduzido, nulo ou até regenerativo. “É uma mudança gigante, mas muito rápida” – arremata Marcelo.

 Têndências como o servizing, que transforma produtos em serviços através do uso compartilhado (como tem acontecido com carros e patinetes) ou a compra de produtos por assinatura, refletem um novo estilo de vida. Veja o caso da YVY: produtos de limpeza por assinatura, baseados em ativos naturais, usados em embalagens duráveis com design arrojado que são compradas uma única vez pelo cliente, além de logística reversa sem custo para o consumidor quando o produto acaba. Não se trata de inovar no produto, mas também no design e no processo, em busca da sustentabilidade.

São muitas as estratégias da economia circular. Ainda assim, o conceito parece distante para a maioria dos empresários. Por quê? Talvez porque pareça um caminho árduo onde o padrão de consumo precisa mudar, pessoa a pessoa. Mas essa visão pode ser uma ilusão de ótica da geração acostumada à obsolescência programada.  

Segundo a pesquisa “A Equação da Geração Z”, da WGSN, as pessoas nascidas entre 1994 e 2010, vêm com um novo “setup”. Para elas, o ativismo, a inovação e os cuidados com o planeta são prioridade absoluta. Além disso, tendem a mudar seu comportamento em massa, já que observam amigos e influenciadores nas redes sociais e aderem publicamente a novos hábitos. Os movimentos podem acontecer de forma muito rápida, (ou até exponencial). Basta lembrar da jovem ativista Greta Thunberg e sua greve contra o aquecimento global.

Essas pessoas podem ser seu novo cliente.

 
ciclos-bio-tecnico_menor.png
 

Segundo Lea Geger, da Ideia Circular, a provocadora convidada para o painel de economia circular, essa é uma nova forma de pensar o futuro e o nosso relacionamento com o planeta, onde crescimento econômico e bem-estar humano não estão associados ao uso crescente de recursos naturais. Para isso, os materiais precisam circular o máximo de seu valor como nutrientes técnicos ou biológicos e o design de novos produtos e processos deve focar o aproveitamento inteligente dos recursos. Os resíduos se tornam insumos em novos processos, na melhor filosofia lixo zero.

Restaurar, reinserir, reaproveitar. São muitos os Rs. Mas tudo isso precisa ser pensado no momento do design. Foi o que a YVY fez ao criar seus produtos, e é também a proposta do Projeto Loop, da Terracycle, outra convidada do painel e que atende grandes indústrias como Unilever e Danone.

Design integral feito para durar.

E dá para fazer? Um sim exclamativo é a resposta dada por Maracelo Ebert.  E os resultados vieram. A YVY ganhou o Brasil Design Awards, o Prêmio ABRE de embalagens e o Prêmio Estadão Amcham. É a sustentabilidade deixando de ser o patinho feio da indústria e resultando em produtos que vão muito além da nova embalagem ou da reciclagem.

Mas trabalhar nessa perspectiva requer coerência. Os “greeners”, como são chamados os consumidores que priorizam o comportamento ecologicamente inteligente, são atentos e ativistas. “É um consumidor que exige muito. A gente, por exemplo, começou sem fazer a logística reversa das cápsulas de produtos de limpeza e logo teve que mudar isso”, finaliza Marcelo.

Também a Nespresso estará no painel, compartilhando sua experiência com a construção de um ciclo de produto sustentável desde a produção do café até o retorno e a reciclagem de cápsulas; além da Boomera, que vai trazer seu processo inovador de recuperação de transformação de resíduos. O mediador, será o advogado Fabrício Soler, um dos maiores especialistas em logística reversa do Brasil.

Economia Circular é uma ideia importante para os empresários que pensam no futuro, mas, no fim das contas, é fundamental para qualquer pessoa que tenha um CPF. Venha saber como ela se aplica na sua vida e na sua empresa.

 

O Encontro Lixo Zero é realizado pelo Instituto Lixo Zero Brasil e pela Casa Causa, com o apoio da ABRAPS – Associação Brasileira dos Profissionais pelo Desenvolvimento Sustentável, da Unibes Cultural e das organizações Móveis Breton, Plataforma Habita Cidade da Escola da Cidade, Slow Market BR e Rádio Vozes, com patrocínio Nespresso.

Confira a programação completa e link para inscrição na página do evento.

 

Serviço:

Encontro Municipal Lixo Zero: O Lixo Nosso de Cada Dia.

Data: 28 de maio das 09h (cadastramento) às 18h30

Local: Unibes Cultural: Rua Oscar Freire, 2500 – Sumaré, São Paulo.

Grátis. Inscrições via Sympla.